Histórico do Coro CITAVI

Fundado em 30 de novembro de 2001, o Coro CITAVI (Coro da Comunidade dos Imigrantes Trentinos do Alto Vale do Itajaí), constitui-se como um Coro Trentino, através de um “gemellaggio” com a Província Autônoma de Trento, Associazione “Trentini Nel Mondo” e Coro Val Bronzale, assinado na data de sua fundação em Rio do Oeste, SC, e renovado em 30 de setembro de 2013, na cidade de Ospedaletto, Valsugana, Província de Trento, Itália.

O Coro CITAVI tem como sede o município de Rio do Oeste, no Alto Vale do Itajaí e é o único grupo vocal do gênero, fora da Europa, filiado à Federazione Cori del Trentino. É considerado como Coro Alpino, pois possui as mesmas características destes, ou seja, é formado exclusivamente por vozes masculinas, com atuação à capela, desenvolvendo atividades idênticas.

Atualmente, dele fazem parte cantores dos municípios de Rio do Oeste, Rio do Sul, Laurentino e Taió, pois é uma entidade regional, com abrangência em todo o Alto Vale do Itajaí. É composto por 20 cantores, com formação vocal de 1º e 2º tenores, barítonos e baixos. Realiza ensaios semanais, às quartas-feiras, das 19h30min às 22h, na sede do Circolo Trentino de Rio do Oeste.

A principal finalidade do coro é cultivar e salvaguardar a tradição trentina dos emigrantes que se instalaram no Alto Vale do Itajaí. Seu repertório é composto de canções italianas, do folclore dos Alpes, principalmente da região de Trento e muitas destas canções são cantadas desde a época da colonização até os dias de hoje. Também faz parte de seu repertório a música Sacra.

Desde sua fundação apresentou-se em dezenas de cidades de Santa Catarina e outros estados brasileiros, além de estar duas vezes na Argentina e, no ano de 2013, na Itália.

A direção do Coro CITAVI está sob a responsabilidade do Sr. Aroldo José Tambosi, Presidente, e sob a regência de Allan Girardi Rossa.